Saiba Como Se Desenvolver Seguindo Dois Simples e Poderosos Passos

Um dos maiores desejos humanos é desenvolver-se, melhorar como pessoa, como profissional, como pai, mãe, filho ou amigo entre tantos outros papéis que desempenha.

Muito deste desejo vem da necessidade de sentir-se importante e significativo para algum projeto ou missão.

Dentre tantas demandas que são requeridas para que você possa se desenvolver, quero destacar dois passos que considero fundamentais, que são alicerces básicos em qualquer jornada de evolução:

Identificar a oportunidade ou problema

impossivel

Para que você inicie um processo de desenvolvimento é fundamental que você localize as oportunidades de melhoria que você tem para desenvolver-se. Pra isso, não poupe esforços em mergulhar num processo de auto conhecimento.

Vale você mesmo refletir com mais profundidade sobre suas forças e fraquezas ou abrir-se para ouvir o que os outros pensam sobre você.

Acontece que, mesmo que você se conheça bem, é difícil saber como que o que você faz repercute nos outros. Por isso algumas organizações já estão utilizando a avaliação 360 graus como instrumento para expandir o auto entendimento em relação a seus desempenhos, comportamentos e competências, sob o ponto de vista de outras pessoas.

Este instrumento permite que você se auto avalie e que seu líder, pares e liderados também o avaliem.

Mesmo se for o caso de sua empresa não se utilizar desta avaliação ou que você deseje ouvir pessoas de seu círculo de amigos e família, você pode valer-se do mesmo conceito.

Existem outros tipos de instrumentos, que chamamos de assessment, que estão a sua disposição para esta tarefa. Numa rápida pesquisa na internet você poderá encontrar algumas possibilidades.

O IBC, Instituto Brasileiro de Coaching, desenvolveu uma plataforma com um poderoso assessment baseado no DISC, que é talvez um dos mais testados e comprovados instrumentos de auto avaliação, utilizado no mundo inteiro.

Enfim, seja qual for a forma que escolher para isso, o mais importante é que consiga perceber em que deve dedicar-se para que desenvolva-se e atinja os resultados que mais fazem sentido pra você.

Engajar-se e comprometer-se no processo de mudança 

112413_transformar

Criatividade é pensar em algo diferente para resolver problemas existentes ou oportunidades surgidas.

Já a inovação é colocar em prática a nova ideia, ao insight criado. Portanto, para que realmente o desenvolvimento aconteça, não basta identificar as áreas a melhorar. Faz-se premente arregaçar as mangas para mudar comportamentos repetidamente até que virem um hábito.

Em meu livro O Sucesso Exige Mais: Alta Performance em Liderança, apresento uma pesquisa sobre este tema e um modelo poderoso para apoiá-lo em sua trajetória de mudar comportamentos.

Muitos textos vêm sendo divulgados a respeito do tempo necessário para que um novo comportamento se transforme em hábito. Da adaptação de uma nova dieta ou exercício físico, os especialistas falam em 21 dias. Ou seja, bastariam 21 dias repetindo uma determinada tarefa para que ela se tornasse um hábito.

O psicólogo Jeremy Dean, autor do livro Making Habits, Breaking Habits: Why We Do Things, Why We Don’t, and How to Make Any Change Stick, sobre o funcionamento do cérebro quando precisa automatizar escolhas e criar hábitos. Livrar-se de hábitos antigos e substituí-los pelos novos não é algo fácil, mas ele fala sobre alguns estudos que dão embasamento científico pra um possível número de dias necessário pra se formar um hábito.

Em média são necessários 66 dias para adquirir um novo hábito, ou seja, comece a fazer algo automaticamente que antes não era um costume. Esse número variou dependendo da pessoa e da complexidade dos hábitos. Para passar a beber um copo de água após o café da manhã foi preciso cerca de 20 dias para habituar-se. Praticar exercícios foi mais demorado, 84 dias para virar hábito para um dos participantes do estudo.

Então, habituar-se a coisas mais simples requer menos e as mais complexas, mais tempo. A avaliação de complexidade varia de cada pessoa. Pode ser que fazer uma determinada tarefa seja mais difícil para um do que para outro, por isso tenha esses números apenas para que entenda que é possível modificar hábitos e que você deverá ter “o seu tempo” para adequar-se.

Quanto mais rápido e profundamente dedicar-se a este processo, melhor serão seus proveitos e resultados nesta jornada de desenvolvimento pessoal.

O processo de melhoria é contínuo e gradual; desafiante a ponto de ser desconfortável. Esta equação move ao amadurecimento e a resultados extraordinários.

Saiba mais sobre o Livro Digital O Sucesso Exige mais: Alta Performance em Liderança.

Sobre PAULO ROBERTO DE SOUZA

"Master Coach Executivo. Autor do livro “A Nova Visão do Coaching na Gestão por Competências. Trainer em desenvolvimento pessoal e Formador de Coaches. Fundador da You Can Be Coaching e Gestão Corporativa em 1992."